Se quer que o seu cérebro funcione bem, lembre-se dos ómega 3!

Suplementação O Ômega 3 estimula o Cérebro e a Memória, ajudando a acelerar as respostas. Veja quais são os 3 efeitos deste suplemento no cérebro e saiba como tomar.
Você vai ler:

Não é possível passar pelo tema Estudar & Aprender sem escrever sobre ómega 3, pela importância que estes ácidos gordos têm no desenvolvimento cerebral.

E na manutenção de uma performance mental boa.

A partir do ómega 3 ácido linolénico (ALA) que tem de ser ingerido pela alimentação, o corpo produz EPA e a partir deste produz DHA, que são também ambos ómega 3.

Apesar de o corpo produzir EPA e DHA, nem sempre a quantidade é suficiente.

Pela tendência actual para uma alimentação pobre em ómega 3, a suplementação adquire um carácter quase obrigatório.

Efeitos dos ómega 3 no cérebro:

  • Essenciais para a formação, estrutura e desenvolvimento do cérebro;
  • Fundamental para a performance cerebral do cérebro já adulto;
  • Essencial para o correto desenvolvimento do cérebro da criança.  Em crianças com dificuldades de aprendizagem os níveis de ómega 3 tendem a estar baixos;
  • A sua deficiência está ligada a desordens psicológicas como depressão e comportamentos agressivos;
  • Níveis baixos de ómega 3 são frequentemente encontrados em crianças com hiperactividade;
  • A sua ingestão adequada permite prevenir o declínio da memória e a doença de Alzheimer;
  • Suplementação na gravidez, não só é essencial possibilitar a manutenção de uma boa performance cerebral das mamãs, como para o desenvolvimento cerebral dos bebés, bem como diminuiu o risco de desenvolvimento de diversas doenças na idade adulta;
  • Já existem estudos a mostrar o benefício da toma de ómega 3 durante a gravidez, na memória e performance cerebral de crianças em idade escolar;
  • Níveis adequados em adolescentes diminuem enxaquecas.

Saiba como tomar a suplementação:

  • Adquira suplementos que discriminem as quantidades de EPA e DHA e não os que referem apenas a quantidade total de ómega 3;
  • Para bebés, procure suplementos líquidos, sendo que existe a opção de cápsulas mastigáveis para crianças;
  • A dosagem para crianças ronda os 250 a 500 mg/dia e para adultos 1 a 2 gramas de ómega 3 total;
  • Até aos 7 anos, o DHA é de tal forma fundamental que a suplementação deve conter 2/3 de DHA para 1/3 de EPA;
  • Em idades superiores aos 7 anos a proporção correcta passa a ser de 2/3 de EPA e 1/3 de DHA;
  • Use suplementos de empresas que sabe terem cuidado com o grau de contaminação dos suplementos com metais pesados.