Poluição do ar doméstico: um perigo silencioso e invisível

Sustentabilidade Conheças os perigos da poluição do ar doméstico, entenda porque o ar da sua casa pode ser mais prejudicial à saúde do que o ar da rua.
Você vai ler:

Sabia que nos países desenvolvidos a qualidade do ar das nossas casas pode ser bem mais preocupante que o ar da rua?

Imaginava que a poluição do ar que respiramos dentro de casa pode ser muito superior à do ar de uma rua do centro de uma cidade movimentada, levantando sérias preocupações para a nossa saúde?

Nos países desenvolvidos, os poluentes mais perigosos do ar das nossas casas são substâncias químicas denominadas compostos orgânicos voláteis (VOC).

Trata-se de milhares de substâncias produzidas pela indústria petroquímica que se evaporam com facilidade e se ligam às estruturas orgânicas dos seres vivos, de uma forma persistente.

Estes compostos orgânicos voláteis (VOC) entram na constituição de muitos materiais presentes nas nossas casas: materiais de construção, colas, tintas, vernizes, tecidos decorativos, móveis.

Mas também estão presentes em milhares de produtos domésticos de uso corrente que talvez compre e use sem saber os perigos a que se expõe.

Deixamos o alerta para que compreenda, de forma mais clara, o que pode pôr a sua saúde em risco de forma silenciosa.

Alguns dos perigos dos Compostos Orgânicos Voláteis para a saúde:

Os VOC, uma vez ligados às células do corpo humano, alteram o seu funcionamento orgânico por muitos mecanismos diferentes.

Imitam a ação de hormonas quando estimulam os órgãos-alvo dessas hormonas.

Este fenómeno denomina-se por disrupção endócrina. Os principais perigos são os efeitos sobre os receptores dos estrogénios para a mama, próstata e cólon.

Ao ligarem-se a receptores celulares, bloqueiam-nos, e dificultam a comunicação intercelular.

Este obstáculo químico pode diminuir as capacidades cognitivas, memória, raciocínio, concentração, e ser responsável por graves alterações do funcionamento do sistema imunitário.

Podem ainda alterar a expressão genética, favorecendo o desenvolvimento de múltiplos cancros.

O que pode fazer para diminuir a poluição com VOC do ar da sua casa?

  • Eliminar todos os produtos que integrem aromas artificiais na sua composição: perfumes de casa, ambientadores, incensos, velas aromáticas. Ou seja, opte por produtos exclusivamente feitos com essências naturais;
  • Eliminar o uso de todos os antiparasitários inseticidas e antifúngicos domésticos. Opte por soluções ecológicas e naturais;
  • Substituir os pesticidas e inseticidas para plantas domésticas por produtos de agricultura biológica.;
  • Na lavagem da roupa a seco são usados vários VOC. Quando traz a sua roupa da lavandaria nunca a leva directamente para o seu quarto ou roupeiro. Deixe-a ficar em local arejado durante 3 semanas antes de a arrumar;
  • Reduza ao mínimo o uso de produtos de limpeza em spray. As pequenas partículas destas substâncias químicas depositam-se por toda a casa e entram facilmente em contacto com a pele e podem até ser ingeridas;
  • Os produtos de limpeza que se dissolvem em água para lavar o chão ou outras superfícies, uma vez secos, transformam-se em pó que se espalha no ar da sua casa. Escolha desinfetantes sem aroma;
  • Abra as janelas e renove todo o ar da casa pelo menos uma vez por dia;
  • E ainda: elimine total e permanentemente o uso de tabaco dentro de sua casa.

Agora que já conhece estes perigos, ofereça a si, à sua casa e aos seus amigos produtos com aromas de essências naturais!

Opte por prendas que gerem qualidade e saúde a si e aos seus.