O que fazer quando uma articulação fica inflamada

Bem Estar As vezes acordamos com alguma articulação inflamada, descubra como tratá-las quando elas inflamarem.
Você vai ler:

É do conhecimento geral a vontade da aplicar gelo a nível local quando uma articulação se inflama. O gelo tem um efeito sobre a dor criando analgesia devido ao choque térmico.

Quando temperatura da pele baixa de 34ºC para 15ºC, a condução nervosa baixa e cria-se inibição dos influxos nervosos a nível do corno posterior da medula.

O gelo tem também um efeito anti-inflamatório pois baixa a produção dos mediadores químicos responsáveis da inflamação; limita o volume de edema porque diminui a vasodilatação que se desencadeia e produz após a sua retirada um efeito vasomotor que ajuda na redução e reabsorção desse edema.

É evidente que nas nossas casas não temos aparelhos sofisticados de crioterapia, mas normalmente temos gelo. Podemos aplicar em banhos, para as mãos ou pés, ou em compressas para outras áreas do corpo.

Para fazer o banho coloca-se água num recipiente com gelo triturado. Deve manter-se durante 20 minutos e é importante que exista reposição do gelo ao longo desse tempo. Para áreas muito pequenas, podemos usar o cubo de gelo e massajar.

Para áreas maiores podemos colocar os cubos dentro de uma toalha dobrada, fragmentá-los, humedecer a toalha e colocar no local. Deve ser mantida cerca de 20 minutos.

É importante que a toalha esteja humedecida porque a condução é mais eficaz e o facto de o gelo ser fragmentado permite criar uma superfície mais uniforme e adaptável a zonas mais irregulares.

Os sacos de gel são mais práticos mas o arrefecimento que produz o choque térmico não é tão eficaz. Estas aplicações podem ser feitas de 3 em 3 horas no primeiro dia e 3 vezes ao dia nos dois dias consecutivos.

Não devem ser aplicadas quando existe alteração de sensibilidade, alergia ao frio, síndrome de Raynaud, crioglobulinémia e é necessário cuidado para evitar queimaduras por frio.

O repouso é importante para que não haja solicitação de uma articulação que não está em boa condição de funcionalidade e simultaneamente permitir que o organismo concentre a sua força vital no processo de recuperação.

A elevação facilita o processo de drenagem veno-linfática. Não podemos esquecer que na base da resposta inflamatória estão mecanismos ligados à vascularização.

A contenção pode ser feita com ligaduras, por exemplo, que permite limitar o edema o que possibilita uma recuperação da função mais rápida e dá maior conforto.

É a aplicação simultânea de gelo com a contenção que favorece o não desenvolvimento do edema e a sua mais rápida reabsorção.