O papel da vitamina D e polimorfismos genéticos na doença de Crohn

Suplementação Um dos fatores da prevalência de doenças de Crohn é a falta de vitamina D e foi avaliada a existência de alguns polimorfismos.
Você vai ler:

Na Nova Zelândia, a prevalência de doença de crohn é uma das mais elevadas do mundo e ainda pouco se sabe sobre os motivos para este facto.

Uma investigação publicada na revista Nutrients foi avaliar possíveis razões.

Uma das razões possíveis é a falta de vitamina D e a outra são diversos polimorfismos genéticos.

Portanto neste estudo foi avaliar-se o nível de vitamina D e foi avaliada a existência de alguns polimorfismos.

Nos pacientes com doença de Crohn, os níveis de vitamina D eram significativamente mais baixos do que em controlos saudáveis.

E foram encontrados diversos polimorfismos que também foram associados com os níveis de vitamina D.

A genética condiciona os níveis de vitamina D, uma vez que alguns polimorfismos foram relacionados com os baixos níveis de vitamina D.

Mas também se verificaram maiores níveis desta vitamina nos meses de maior exposição solar.

Independentemente do motivo pela qual o valor possa estar baixo, os indivíduos com doença de Crohn devem fazer a medição desta vitamina e corrigir o défice, o mais cedo possível.