O morango – um fruto da horta colorido e saudável

Sustentabilidade Conheça a historia do morango e aprenda como cultivar um bom morango Biológico.
Você vai ler:

O morango tem uma história de cultivo que parece ter começado no séc. XII, com o cultivo na Europa da espécie silvestre europeia Fragaria vesca até ao séc. XVIII.

Da América vieram depois duas novas espécies – a Fragaria virginiana da América do Norte.

E a Fragaria chiloensis ou morangueiro do Chile, originário das costas da América do Sul banhadas pelo oceano Pacífico.

Depois de várias tentativas de cruzamento são obtidas no séc. XIX variedades com maior valor comercial, resultantes do cruzamento das duas espécies americanas.

E algumas delas conseguem produzir por duas épocas no mesmo ano, vindo a chamar-se de remontantes.

A primeira variedade remontante de frutos grandes foi obtida em França pelo padre Thivolet em 1893, com o nome de Saint Joseph.

No séc.XX surgiram muitas outras variedades, tendo-se conseguido algumas muito produtivas (mais de 20.000Kg/hectare).

Outras muito açucaradas em comparação com as originais e, finalmente, algumas com as duas características em simultâneo, a que ainda se soma um apreciável aroma.

A variedade que escolhi plantar este ano tem essas qualidades e chama-se Albion.

Morangueiro da variedade Albion, com frutos maduros, verdes, e flores (Sintra, Maio 2015)

E a colheita está a ser boa sem qualquer tratamento de pesticida.

Apenas os caracóis e as lesmas têm tentado comê-los mas, em parte com cinza e em parte com fosfato de ferro (Ferramol, quando a cinza fica molhada e deixa de ser barreira eficaz).

Temos conseguido produzir bons e saudáveis morangos.

Não é difícil cultivar morangos biológicos, mas é preciso saber e fazer o seguinte:

  • Escolher uma boa variedade (como o Albion);
  • Comprar as plantas com origem em Viveiristas certificados e localizados em regiões frias, como a região da Serra da Estrela, de modo a serem mais produtivos e mais saudáveis;
  • Escolher terra pouco ácida a neutra e evitar a muito ácida ou muito alcalina;
  • Aplicar fertilizante orgânico de qualidade, de preferência obtido por compostagem;
  • Plantar no Inverno até ao mês de Janeiro;
  • Regar de preferência com rega gota-a-gota e com uma quantidade adequada (cerca de 10 litros/m2/dia), se possível com medição da água do solo (tensiómetro ou outro equipamento);
  • Cobrir a terra com plástico biodegradável (Agrobiofilm) ou com palha ("straw”) dando neste caso razão ao nome inglês "strawberry” (baga da palha);
  • Mondar as ervas em excesso.

E finalmente fazer a colheita quando os frutos atingirem a plena maturação