O Caminho Menos Percorrido de Scott Peck

Sustentabilidade Você ja leu o livro o caminho menos percorrido? Este excelente livro foi escrito por Scott Peck, que faleceu em 2005.
Você vai ler:

"A Vida é difícil”. É com esta frase que o psiquiatra Scott Peck começa este seu livro.

É uma espécie de guia que mostra como devemos enfrentar e resolver os nossos problemas.

Mais do que um simples livro de auto-ajuda é um livro transformador. Mostra-nos como viver o sofrimento das mudanças, ensina-nos a aprender que é possível conseguir serenidade e plenitude na vida.

Bestseller desde 1978 é um daqueles livros que em algum ponto da sua vida vai precisar de ler.

Scott Peck estudou em Harvard e exerceu psiquiatria. Dedicou parte da sua vida a uma organização sem fins lucrativos e é autor de diversos livros.

Faleceu em 2005, mas a sua obra é intemporal e principalmente "O caminho menos percorrido” é um livro sempre atual.

Ficam excertos para que fiquem com vontade de ler. Este livro não dá soluções mas enuncia algumas pistas e acaba por fornecer ajudas muito importantes:

" A maior parte das pessoas não vê inteiramente esta verdade de que a vida é difícil. Em vez disso, lamenta-se mais ou menos incessantemente, ruidosa ou subtilmente, da enormidade dos seus problemas, encargos e dificuldades, como se a vida fosse fácil de um modo geral, ou como se a vida devesse ser fácil”.

"Os teus filhos não são teus filhos. São os filhos e as filhas do desejo da Vida por si própria. 
Vêm através de ti mas não de ti, e embora estejam contigo, não te pertencem. 
Podes dar-lhes o teu amor, mas não os teus pensamentos, porque eles têm os seus próprios pensamentos. 
Podes alojar-lhes os corpos mas não as almas. Porque as almas deles vivem na casa do amanhã, que tu não podes visitar, nem sequer em sonhos. 
Podes lutar por ser como eles, mas não tentes fazê-los ser como tu. 
Porque a vida não anda para trás nem espera pelo passado...” 

O autor fala de disciplina, saúde emocional, espiritual e psicológica. Dá importância à gratidão e ao facto de assumirmos as nossas responsabilidades. Fala de amor e considera-o a força que guia o crescimento espiritual.

É um livro que nos ajuda a pensar em maneiras diferentes e mais positivas de viver a vida. Recomendamos!