Inflamação e a pele

Bem Estar Conheça um pouco mais sobre as inflamações e saiba quando esse mecanismo fisiológico pode trazer problemas à pele.
Você vai ler:

A Inflamação é uma forma de o nosso corpo se proteger, trata-se de uma reação biológica do organismo a um estímulo prejudicial; de acordo com o Jornal of Inflammation, é uma resposta do sistema imunitário a uma infeção mas também pode ser sinal de um processo de cura.

A nível dermatológico, os problemas inflamatórios da pele são os mais comuns e apresentam-se de diversas formas, das mais comuns e ocasionais erupções e vermelhidões, às condições crônicas como psoríase (placas vermelhas rugosas e escamosas), rosácea (vermelhidão no rosto com presença de vasos sanguíneos), dermatite (inclui descamação, secura e coceira) ou mesmo acne (vermelhidão, borbulhas, nódulos).

Em presença de inflamação teremos uma pele problemática e com necessidade de ingredientes com ação anti-inflamatória, aqueles que a Natureza sabe produzir e a cosmética biológica coloca ao nosso dispor, como por exemplo o óleo essencial da árvore do chá, aloe vera, água floral de rosas, entre outros.

Também muitas vezes sensível, por diferentes possíveis causas, no entanto, nem todos os produtos destinados a peles sensíveis, que geralmente procuramos, respondem corretamente às diferentes necessidades e especificidades de cada problema , pelo que é crucial encontrar produtos que se adequem ao seu tipo e necessidade da pele.

Temos que distinguir claramente se a inflamação é acompanhada de secura (por exemplo na psoríase e rosácea) ou de oleosidade (acne).

Mas há cuidados comuns, pois o objetivo principal tem de ser tratar a inflamação.

Tomemos por exemplo o rosto:

  • Devemos iniciar por uma limpeza suave, mesmo peles acneicas e com presença de oleosidade que necessitam de desincrustar os poros devem procurar produtos que acalmem a pele e não retire de forma drástica, e por vezes demasiado adstringente, a oleosidade presente no rosto, esta é necessária e quanto mais for retirada, mais a pele irá produzir, num verdadeiro ciclo vicioso;
  • O passo seguinte, esquecido embora crucial, é a utilização de um tónico adequado: atuam neutralizando o pH da pele, fechando os poros após a limpeza e preparando para o passo seguinte, que é a absorção do hidratante.Mas atenção, é de extrema importância procurar tónicos que não contenham, entre outros ingredientes químicos e sintéticos nocivos e agressores, álcool de síntese, que provoca secura e permite que as bactérias viagem mais fundo nas camadas da pele;
  • Segue-se a muito importante hidratação, que oferece à pele o alimento necessário e a protege das agressões externas e perdas de hidratação. Não tem de ser uma hidratação gordurosa, pode ser um gel fresco, à base de água e textura leve, facilmente absorvido não cria nenhuma dificuldade à pele em respirar, quando existe oleosidade. Mas em caso de inflamação com secura a escolha recai em hidratantes fortes que acalmem ao mesmo tempo que nutrem profundamente a pele.

Uma boa rotina diária, de manhã e à noite, com produtos que a sua pele entende e que contêm ingredientes eficazes e adequados às suas necessidades específicas, é o suficiente para tratar, reparar e prevenir o reaparecimento de problemas que, embora comuns, causam um enorme desconforto, insegurança e por vezes baixa de auto-estima.