A palete de cores que protege a sua saúde

Bem Estar As cores dos legumes e das frutas dizem muito sobre eles, entenda o porquê de ter 3 ou mais cores em seu prato.
Você vai ler:

Uma fruta ou legume só desenvolve valor nutricional enquanto não é colhido. Assim, prefira frutas e legumes que viajam pouco até chegar a sua casa e que terão uma cor viva e aroma intenso.

Não faça nenhuma refeição constituída apenas por uma ou duas cores, prefira refeições coloridas com muitos legumes e frutas que vão fornecer-lhe antioxidantes, vitaminas e minerais que a sua saúde muito agradece.

A sua saúde agradece que junte sempre cor às suas refeições.

Principalmente as frutas e legumes, mas também leguminosas e sementes vão fornecer-lhe compostos que conferem cor às plantas e que para nós são essenciais.

Os antioxidantes protegem as plantas de agressões e protegem-nos também a nós.

Relembre aqui o perigo dos radicais livres de oxigénio, por exemplo para o seu cérebro.

Tenha sempre legumes e frutas nas suas refeições principais e pelo menos um destes nos seus snacks. Tenha sempre 3 ou mais cores no seu prato.

Vermelho

Exemplos: tomate, morangos, ruibarbo, cerejas, pimento, framboesas, uvas, bagas goji.

O Fitoquímico Licopeno, ácido elágico e flavonóides são os elementos que se destacam nos alimentos de cor vermelha ou muito próxima.

Funcionam como antioxidantes, podem ser protectores de certos cancros e ajudar na saúde cardiovascular.

Azul e Roxo

Exemplos: beterraba, couve roxa, mirtilos, framboesas, uvas, beringela, ameixas.

A cor destes alimentos deve-se ao flavonóide antocianina, que é antioxidante e bactericida.

Alguns destes alimentos, como as uvas possuem também resveratrol que é importante para a saúde cardiovascular e protecção de cancros.

Amarelo e Laranja

Exemplos: Cenouras, abóbora, meloa, limões, laranjas, ananás, pimento, batata doce.

Os carotenóides  como a luteína e zeaxantina, terpenos e flavonóides destes alimentos actuam como antioxidantes sendo importantes no combate ao cancro e doenças cardíacas.

O sistema imunitário também sai fortalecido.

Verde

Exemplos: Couves, brócolos, couve-de-bruxelas, espinafres, kiwi, erpargos, ervilhas.

Os alimentos verdes fornecem clorofila e isotiocianatos. Ajudam o fígado a metabolizar melhor compostos com potencial carcinogénico, são também importantes para ossos e músculos.

Branco

Exemplos: cebola, alho, gengibre, cogumelos, bananas, batatas, couve-flôr.

Alicina, Indóis e Isotiocianatos são também fitoquímicos com características anticancerígenas, antioxidantes, anti-bacterianas e anti-víricas.

Fortalecem o sistema imunitário e ajudam no metabolismo das gorduras.

Coma legumes e frutas da época e de zonas perto de si! Os alimentos de origem vegetal que viaje muito para chegar até sua casa, tem de ser colhido verde e vai amadurecer sem desenvolver mais valor nutricional.

Tenha sempre mais de 3 cores nas suas refeições e não esqueça de comer legumes pelo menos duas vezes por dia e pelo menos 3 peças de fruta!